Brasil

Bonner comete gafe e chama Temer de ‘ex-presidente’ durante Jornal Nacional

Bonner comete gafe e chama Temer de ‘ex-presidente’ durante Jornal Nacional

O Jornal Nacional desta quarta-feira (16) trouxe detalhes da delação de Joesley Batista, dono da JBS, que gravou um áudio em que Michel Temer dá aval para o pagamento de uma mesada que “compre” o silêncio do ex-deputado Eduardo Cunha. Durante a edição, o apresentador William Bonner cometeu um ato falho e acabou se referindo a Temer como “ex-presidente”. Ele fez uma longa pausa ao notar que havia falado “ex”, mas seguiu adiante sem se corrigir nem comentar a gafe.

A edição ainda foi marcada por outra situação de saia justa. Zileide Silva entrou direto de Brasília com notícias sobre o caso. Atrás dela, uma manifestante segurava uma placa com a frase: “Eu votei na Dilma”. A câmera tentava cortar a mulher, mas ela conseguia sempre ser enquadrada. A frase é uma brincadeira com as camisas “eu votei no Aécio”, que foi usada pelo ex-jogador Ronaldo durante a época do impeachment de Dilma Rousseff.

Denúncia
Segundo a reportagem do O Globo, Temer teria a Joesley o deputado Rodrigo Rocha Loures (PMDB-PR) para solucionar um assunto da J&F, controladora da JBS. Depois, Rocha Loures foi filmado recebendo uma mala com R$ 500 mil enviada pelo empresário.

O empresário também contou a Temer que estava pagando uma mesada a Cunha e ao operador Lúcio Funaro para que eles ficassem calados. Os dois estão presos. Temer teria dito então: “Tem que manter isso, viu?”.

Site Master

18 de maio

Nenhum comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *